É muito provável que sobre ela se levantasse a ermida de Santa Catarina (ermita Santa Catalina). No século XVII foi reedificada pelo grémio de arquitetos e carpinteiros da vila, dedicando-se à advocação de São José. A sua sala de amplas proporções articula-se com arcos de uma simples labor de laço à altura dos capitéis. Da antiga sinagoga conserva-se a porta principal, cujo vão ligeiramente apontado encontra-se emoldurado. Destaca pelas suas ornamentações góticas e as suas semicolunas torcidas. Nos batentes deve ter tido ornamentações hebraicas que já desapareceram. Tudo parece assinalar que tenha sido obra da segunda metade do século XV, anterior à expulsão dos judeus.

Compartir esto
Esta web utiliza cookies propias y de terceros para su correcto funcionamiento y para fines analíticos. Al hacer clic en el botón Aceptar, acepta el uso de estas tecnologías y el procesamiento de sus datos para estos propósitos. Ver
Privacidad
X